Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




terça-feira, 18 de janeiro de 2011

A Pecinha Não Entende a Mecânica da Vida - por Maelo

.
A gasolina acabou. Mas não era a primeira traição do ponteiro. Entretanto, desta vez tive sorte. A quase dois quilômetros de um posto, o carro engasgou numa reta. Peguei a primeira à direita e desci. Sem acelerar. Lembrei o caminho mais próximo para abastecer e segui no embalo. Rezando. Fiz apenas uma manobra arriscada para cruzar uma avenida e embalado entrei no posto. Parei longe da bomba e o frentista estranhou. Depois entendeu e voltou a sorrir. Abasteci e saí louvando a sorte.
.
.

.
.
A primeira vez foi cruel. Perdi a noite e uma onça com o guincho. Problema na bomba de gasolina, na injeção, na puta que pariu. Ouvi de tudo antes de dormir descrente. Detalhe: Eu cheguei a imaginar que era falta de gasolina. Achei uma garrafinha de água, comprei meio litro e joguei no tanque. Mas nada. O carro estava numa subida e o destino não quis mudar o jogo.

Agora dirijo pensando em tudo. Um exemplo, ilustre leitor, para encerrar a nossa conversa. Parar em todos os sinais vermelhos é até compreensível. Sinal de que a sua dose de ousadia esta moderada. Beleza. Mas e quando o farol abre e você é sempre o segundo a sair? Alguma coisa está errada com o seu motor pessoal. Não está?
.
.
.
.

Nenhum comentário: