Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




segunda-feira, 13 de abril de 2009

As Nossas Palavras V - por Lélia

Eu não queria te ofender... Estou tão arrependida! Procurarei me redimir, te digo isso com a alma limpa. Vou elevar preces aos Céus, bem alto, para que chegue a Deus a minha súplica de que eu nunca mais ofenda alguém.
.

Duelando Manchetes I: Aborto - por Kbçapoeta

Um filho com certeza é responsabilidade do pai e da mãe.
Normalmente quando a mulher tem a opção do aborto, o pai desse feto não está presente, deixando a responsabilidade para a mulher.
Outra hipótese é o casal por dificuldades financeiras não querer trazer ao mundo mais um perdedor, mas quem terá que ir para a “faca” é a mulher.
Caso uma gestante queira ter um filho e o pai não assumir, quem se responsabilizará é a mulher.
Se o casal resolver ter o filho e houver complicações no parto, o risco é da mulher.
Nada mais justo que ser dela (mulher) a decisão final.



Resposta a “Duelando Manchetes I: Aborto”, de Clarice A..
.

Carlinhos Carneiro e Rodrigo Pilla, “Mesmo que Mude” - por Kbçapoeta

Ela vai mudar,
Vai gostar de coisas que ele nunca imaginou
Vai ficar feliz de ver que ele também mudou
Pelo jeito não descarta uma nova paixão
Mas espera que ele ligue a qualquer hora

Para conversar
E perguntar se é tarde pra ligar
Dizer que pensou nela
Estava com saudade
Mesmo sem ter esquecido que

É sempre amor, mesmo que acabe
Com ela aonde quer que esteja
É sempre amor, mesmo que mude
É sempre amor, mesmo que alguém esqueça o que passou

Ele vai mudar,
Escolher um jeito novo de dizer “alô”
Vai ter medo de que um dia ela vá mudar
Que aprenda a esquecer sua velha paixão
Mas evita ir até o telefone

Para conversar
Pois é muito tarde pra ligar
Tem pensado nela
Estava com saudade
Mesmo sem ter esquecido que

É sempre amor, mesmo que acabe
Com ele aonde quer que esteja
É sempre amor, mesmo que mude
É sempre amor, mesmo que alguém esqueça o que passou
Para conversar
Nunca é muito tarde pra ligar
Ele pensa nela
Ela tem saudade
Mesmo sem ter esquecido que

É sempre amor, mesmo que acabe
Com ele aonde quer que esteja
É sempre amor, mesmo que mude
É sempre amor, mesmo que alguém esqueça o que é amor
.
.
.
.
.
.Bidê ou Balde

As Bruxas de Eastwick - por Ana

Gostei muito não... Achei a direção meio confusa.



Sinopse: Cineclick
Vídeo: Youtube
.
.
.
Resposta a Um Estranho no Ninho, de Luiz de Almeida Neto.
.
.
.
E você? Que filme gostaria de comentar aqui?
George Miller

Narradores de Javé - por Kbçapoeta

Narradores de Javé, de Eliane Caffé.
Javé é um vilarejo da Bahia que está para desaparecer do mapa devido à construção de uma usina hidrelétrica.
Desesperados com a situação eles têm uma idéia ousada de contar os acontecimentos históricos relevantes para a cidade ser salva. Porém quase todos eram analfabetos e precisam encontrar alguém para essa missão.
Filme que tem no elenco José Dumont, Matheus Nachtergaele, Gero Camilo, Nélson Dantas, Rui Resende, Nélson Xavier, Luci Pereira, Jorge Humberto e Santos.
Uma bem humorada estória da importância das letras e da prosa.
Quem gosta das palavras irá se apaixonar e dar boas risadas.



Sinopse: Cineclick
Vídeo: Youtube
.
.
.
E você? Que filme gostaria de indicar?
.

O Piano - por vestivermelho

No século XIX, uma mulher muda desde os 6 anos deixa a Grã-Bretanha rumo à Nova Zelândia para se casar com um fazendeiro, até que ao chegar ela passa a ser cobiçada por um rude vizinho.
Dirigido por Jane Campion (Fogo Sagrado) e com Holly Hunter, Sam Neill, Harvey Keitel e Anna Paquin no elenco. Vencedor de 3 Oscars.
O piano
Lindo lindo...



Sinopse: Cineclick
Trailer: Youtube
.
.
.
E você? Que filme achou lindo?
.

Emprego Público - por Alba Vieira

Segunda-feira! Cruz credo!
Não tenho vontade de acordar.
Logo volto praquela gaiola,
Onde, todo dia, eu vou trabalhar.

É que é um lugar nojento:
É só mofo e umidade.
De fora, vem cheiro de lixo
E é palco de iniquidades.

Sempre bate uma depressão,
Quando a semana recomeça.
Fazer um trabalho criativo
É o que menos interessa.

Prossigo tentando fazer
Limonada suíça de limão podre.
Fica difícil de entender
Juntar incompetência, sandice e mente torpe.

É que a administração é tão falha
Que dá nojo e revolta em quem trabalha.
E o que nos mantém neste tédio escabroso,
É mais que necessidade, é consciência do direito do povo.

Então do serviço público não saio.
Morro reclamando até que isto mude.
São quase trinta anos lutando contra o descaso,
Sem acomodação, não cedendo ao crime impune.

Há de um dia aparecer
Gente que nunca se esqueça
Que o melhor no trabalho
É ter qualidade e destreza.

Pois fazendo o que se sabe,
Aquilo que é nossa missão,
A alegria transborda logo,
Aquecendo o nosso coração.

E isso é que leva à saúde,
À alegria e à paz também.
Pois quando trabalhamos de fato
Não estamos fazendo favor a ninguém.

É preciso manter a qualidade,
Ter consciência e amor na profissão.
É a única coisa capaz de ajudar
A reverter tamanha adulteração.



Visitem Alba Vieira
.

Mário Quintana e o Sonhar - Citado por Ana

.
Sonhar é acordar-se para dentro.
.
.

Exílio Interno - por Kbçapoeta

Dia desses queria sair do exílio
Voltar a ser quem eu nunca fui.
Abandonar o porto da solidão
Que costuma conquistar poetas
Em seus mais puros devaneios.
Fugiria pelo porão,
Onde estão amareladas as folhas do diário
Do qual nunca li.
Pois conheci minha vida
In loco,
Ação e sujeito.
O sol lúgubre com raios de belas palavras
Sempre faz aquietar o impulso
Apagar o pavio curto de meu espírito
Aquele que chamo de alma.
Pois só ela sabe
Que fora do corpo do poeta
Todo mundo é uma ilha
Milhões de exilados
A milhas distante
Que se romperia
Com um aperto de mão.




Visitem Kbçapoeta
.

Nicolau Maquiavel - por Ana

O Príncipe - Nicolau Maquiavel



“Maquiavel é demais! O Príncipe está na minha lista para breve!”
.
.
.
Resposta a “Obras”, de Leo Santos.
.
.
.
E você? Que autor você acha demais?
.

Máximo Gorki, a Mentira e a Verdade - Citado por Penélope Charmosa

.
A mentira é a religião dos senhores e escravos; a verdade é a divindade dos homens livres.
.
.

Deixo a Eles a Conveniência - por Poty

Para os doutores,
Deixo a mesa
A burocracia
A insolência
A teoria
Da sua impotência

Para mim,
Fica a irreverência
A indignação
A liberdade de ser o que sou
Sem menosprezar ninguém

Eu os encaro com desdém
Porque acham que estão acima
De qualquer mortal

Estou com os que não têm,
Mas têm todo o aprendizado
Que os outros hão de estudar

Ficamos nós os plebeus a reverenciar
Porque achamos que eles têm a sabedoria
Mas nós a vivenciamos no dia a dia
.

A Mãe - por Kbçapoeta

A Mãe - Máximo Gorki


“Mãe
Romance de Máximo Gorki (tradução de Fernando Peixoto, José Martinez & Shura Victoronovna).
Verdadeira ótica familiar da luta revolucionária. Baseado em fatos reais ocorridos nas fábricas de Sormovo, na Rússia tsarista.
Mostra que por traz das armas havia sentimentos.
‘Mãe’ e ‘As Vinhas da Ira’ de Steinbeck dão o retrato humano das esquerdas.
Puro entusiasmo político.”



E você? Que livro te entusiasmou?
John Steinbeck

Michel de Montaigne e o Casamento - Citado por Therezinha

.
O único casamento capaz de durar para sempre é aquele entre uma mulher cega e um marido surdo.
.
.

Beethoven e a Alma - Citado por vestivermelho

A alma sensível é como harpa que ressoa com um simples sopro...



Visitem vestivermelho
.Ludwig van Beethoven.