Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

(Sem Título) - por Laila Braga

Existe uma parte em mim que não se controla; uma parte que precisa se libertar. Tenho que aprender o grito e um pouco de silêncio; tenho que dizer não; tenho que me apoiar no lugar certo e nunca em castelos de areia. Mudanças acontecem o tempo todo por mais que não percebamos. As relações existem para ensinar, para endurecer, para confortar.

Cuidado é sempre válido, mas como toda avó diria: tudo em excesso é sobra. Tira o nó da garganta, o amargo do peito e joga a bola pra frente: essa vida é bonita demais e curta demais para se perder muito tempo parada em um lugar frio e escuro.

Aprenda a andar descalço em um mundo de asfalto* e se permita sentir todas as saudades dessa vida. E na falta do que fazer a gente inventa até um mundo novo pra satisfazer as eternas e mortais necessidades.
.
.