Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Deus - por Leo Santos

Falar sobre Deus? Deus me livre!
Aliás, Ele livra, com que capricho!
Doa sangue imaculado,
pelo prazer de reciclar lixo.

Mas Dele não é bom falar
Sob o risco de ofender-lhe;
tão grande é o abismo
e inda dá pra falar com Ele.

Artista-mor nas sete artes
plena a terra do Seu sucesso;
também os céus espelham
Sua obra-prima, o universo.

Nossos riscos na pré-escola,
mesmo o esmerado pincel,
meras mãos sujas de tinta
imprimidas sobre o papel.

Se concede abono à nossa arte
é por Sua qualidade, o amor;
Virtude que o faz ser Pai,
antes mesmo de ser Senhor…

.

Amor - por Rosa

Tantas vezes nos sentimos desolados, tristes, em depressão por motivos existenciais comuns: a vida conjugal, família, desenlace, amor rompido, entre tantos outros… Somos energia envolta num corpo que exala fragrâncias acobertado por uma alma indestrutível. Tanto um quanto o outro necessita de cuidados. Cuidar é muito mais que alguma atenção. É prescrutar nossos sentimentos que pululam nossas mentes. "Amo porque amo, mas não sei se amo verdadeiramente." Fernando Pessoa nos deixou um legado admirável. Ele desconstruía idéias dormitadas nas alcovas de sua infância e juventude. Observador contumaz, não se proibía de nada. Amava as coisas da vida e, sobretudo, a Deus. Simplesmente, amava. Houve um tempo que não sabia o que era o amor. Amor. Sentir amor por alguém seria a mesma coisa que gostar de alguém? Um poeta disse: "Amizade é quase amor." Seria o mesmo do tão decantado amor incondicional? Amo porque amo. Se a humanidade amasse verdadeiramente uns aos outros, haveria fome e miséria no mundo? Então, retoma-se o pensamento de Jesus: "amai-vos uns aos outros tanto quanto eu vos amei." Na verdade a palavra amor é muito forte, tem muito brilho aos olhos de quem sofre. E quem não quer ser amado(a)? Evidente que todos desejam ser amados, mas o caminho… É preciso se desprender do orgulho, das vaidades, da hipocrisia. Amar mesmo, meu amigo, é o encontro de almas puras. Você já parou p’ra pensar nisso?
.