Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




sábado, 8 de agosto de 2009

Flavia... Imagine. - por Ninguém Envolvente

.
Para todas as pessoas que insistem em reclamar de suas vidas...


Imagine morar no país mais abençoado por Deus, tropical, sem desastres naturais, rico em recursos naturais. Um país mundialmente famoso por suas belas mulheres, pela alegria do carnaval e pelo bom futebol.
Imagine agora que isto não passa de uma meia verdade... O país é lindo, tem tudo, menos justiça, caráter e defensoria decente.
Nada é perfeito. Começando pela Constituição brasileira, que faz de seus cidadãos perfeitos palermas. Um simples julgamento de um roubo de xampu pode levar 5 anos e um caso grave leva de 10 a 20 anos.
Imagine agora... Que a vida de uma pessoa foi mudada radicalmente em um momento que seria de divertimento.
Somente... Imagine...
Imagine quantas coisas legais uma vítima de negligência deixou de fazer... Ver... Viver.
Brasil... Meu país, minha vergonha.
Que lei é esta que deixa uma mãe desamparada?
Que lei é esta que fecha os olhos para o óbvio?
Só nos resta o conformismo e ver flores onde só existe lodo.
O lado “bom” da história de Flavia é que ela está ausente dessa podridão toda, dessa lei que não funciona e de como o mundo está cada vez mais triste e de uma extrema e infeliz pequenez humana que só olha o próprio umbigo...
Flavia é uma vítima e não uma coitada. É uma moça igual a mim e igual a todos, que precisa de cuidados, carinho, DIGNIDADE, amor, afeto, amigos... É uma mortal normal. Não precisa de nossa pena, de nosso choro... Precisa de justiça.
Flavia é uma moça de 20 anos de idade que está em coma vígil há 10 anos.
...
Este foi só um desabafo de uma pessoa que ontem levou horas para pegar no sono. EU que não tenho NADA a ver com isso, fiquei indignada, envergonhada e com dor na consciência de morar no melhor país da IMPUNIDADE.
.
.
.
Para Odele.
.O caminho é árduo, tem seus altos e baixos, é misterioso e às vezes é medonho. Mas não desista nunca de fazer justiça, de sempre tornar digna a vida da sua querida filha. Dificuldades virão - sempre - mas pessoas solidárias também virão!
.
.
.
Dedico esta música para Flavia:
.
.
.
.
.
.
Este é só o primeiro de muitos posts sobre a Flavia, melhores e menos emotivos posts virão. Hoje foi impossível “NÃO ME ENVOLVER”.
.
.
Para saber a história de Flavia, por favor, vá ao site oficial: Flavia, Vivendo em Coma...
.
.
(Post publicado, originalmente, em 18/11/2008.)
.
.
.
.
.

Um comentário:

Ana disse...

Difícil mesmo não se envolver, Ninguém. Este nosso mundo está um caos imerso em violência e injustiça...
Muito bom seu texto e muito tocante.
Beijos.