Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




domingo, 24 de outubro de 2010

Corrida - por Leo Santos

Farei um poema, qual, inda não fiz,
e será um buquê, pra te regalar;
nele, além de linda, te verei feliz
pois meu sonho tu irás sonhar…

Meu anelo será um porto
onde ancorará tua esperança;
o cais, meus braços, teu conforto
o repouso terno do teu sono criança.

O que a vida te negou nos idos
e árida de alma, nem ousas sonhar;
terás, por minhas mãos oferecido,
surpresa ditosa, tardio realizar…

Uma flor mais bela que aparenta
subjaz à ternura que te proponho;
onde a alma repousa, nem sonho acalenta
pois estar, já será viver um sonho…

Na corrida pela raia olímpica do amor,
passaremos o bastão do revezamento;
ao lado passará outro corredor,
enquanto sairemos, vitoriosos do evento…
.
.
Visitem Leo Santos
.

Nenhum comentário: