Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Tudo Que Vai... Volta. - por Gio

.

.
.
.
A perda - ou melhor, a não-obtenção - da bolsa do meu antigo estágio acabou tendo um lado bom: consegui uma outra bolsa, maior, melhor, e em uma área que eu gosto mais. Ou seja, ainda tá valendo o velho sistema das “linhas tortas” - coisas podem dar erradas hoje, para darem mais certo amanhã.

“Tudo que vai, volta”... Uma amiga minha vive dizendo isso, e concordo totalmente com ela. Essa adaptação de uma das Leis de Newton à nossa realidade leiga tem se mostrado verdade a cada dia que passa. Uma injustiça no trabalho, uma mentira contra você, uma trapaça, um amigo que provou não ser tão amigo assim... Tudo tem seu preço. As máscaras caem, como dizem por aí.

E tome cuidado pra não ficar no lado contrário... Se vai prejudicar alguém, prepare-se para as consequências. Ou vai virar de costas, e deixar o bumerangue te acertar na nuca?

O negócio é ter paciência, saber esperar. Só não fique parado aguardando a “Providência Divina” fazer as coisas por você. Correr atrás nunca matou ninguém!



Visitem Gio
.

Um comentário:

Ana disse...

É isso aí, Gio! Justiça Cósmica! Sei bem o que é isso! Se eu bato aqui, apanho ali logo na esquina! Justiça Cósmica legal! Hoje em dia ando santinha: só pensamentos positivos e ações construtivas! Evolução espiritual ou gato escaldado? Eis a questão... rsrsrsrs

Quanto à Providência Divina, devo dizer que acho muito difícil saber a medida certa dos desejos e do destino. Há um equilíbrio natural entre os dois, para cada situação da vida de cada um, e encontrá-lo, tranquilamente... eis a outra questão. rsrsrs
Durante muitos anos mantive escrito num papel diante de mim aquele famoso pensamento: "Que eu tenha serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar, coragem para mudar o que posso e sabedoria para perceber a diferença." Isso me ajudou muito, principalmente depois que o introjetei. Mas que é difícil, lá isso é. E muito!
Beijos!
:D