Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Arara Azul - por Leila Dohoczki

Arara Azul do Edu
Inteligente como ela só
Deixava feliz o menino
E também a vovó.

Acontece que um dia
A arara fugiu de casa.
Ela via Edu com seus pais
E com seus irmãos
E se perguntava todo tempo
Será que tenho filiação?

Não sabia como era
Um carinho de mãe, coitada
Até o ararês já estava esquecendo
Queria ter família,
Queria ser amado.

Não que Edu não gostasse dela.
Mas era diferente.
Pra ela, ter uma família era importante.
E depois, Edu ia crescer
E ela? Como ficaria?
Edu também vai ter
Sua própria família...
A arara voou
Para bem longe dali
Foi para a mata,
Foi ser feliz.

Edu ficou triste
Não compreendia
O motivo do abandono
Pensava que ela era sua
Que ele era seu dono.
Foi uma dificuldade
Entender que nessa vida
A coisa mais valiosa
É a liberdade.

Passaram-se alguns meses
E a tristeza também foi embora
Mas a arara na mata
Tem saudade do Edu agora.
Dos risos, danças e palavras
De todos os nomes que chamava
E do carinho que Edu lhe dava.

Mas ela já tinha feito família
Tinha até uma ararinha
Que acabara de nascer.

E assim continuaram amigos
Dentro do coração
Um queria bem ao outro
E tinham grandes recordações

Estavam distantes
Não separados
Estavam ambos
Debaixo do mesmo céu.
.
.
.Visitem Leila Dohoczki
.
.

Nenhum comentário: