Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Ate Mais - por Kbçapoeta

Queria percorrer o seu caminho,
Mas só você pode fazer.
Quisera acreditar nas mentiras,
Só eu sei que são verdades
Que esqueceram de acontecer.
A doce primeira vez.
A última oportunidade
De recordar momentos bons.
O vento nunca trouxe a resposta,
A lua riu do meu penar,
Cego, tenso e errante.
Tornei-me andarilho
Da covardia.
Rosto oculto entre nomes e renomes
Que eles lutam para perlavar
sob um valor que não existe.
Hoje ao acordar
Andei pelo vale das sombras,
E tudo pude,
Mas ele não me fortaleceu.
Ao contrário,
Fui enfraquecido
E fraco vi o quanto
Um desgraçado pode suportar.
Não queria estar na minha pele.
Queria você
Junto de meus iguais.
Foi profundo o momento,
Perene a lembrança
Como beijos de nunca mais.




Visitem Kbçapoeta
.

2 comentários:

KBÇAPOETA disse...

DIREÇÕES


No quarto empoeirado
Reviro o baú de arrependimentos.
Um turbilhão de saudades,
Vidas remotas, vidas que não foram minhas,
Misturando-se e perdendo-se no tempo,
Espaço e pensamento.
Tamanho porão de meus guardados
Que soterrado de memória,
Agora se esvazia em esquecimento,
Indo e voltando de acordo
Com as mazelas da rosa-dos-ventos
Que ao indicar-me o sentido hoje,
Perco o tino amanhã.

Ana disse...

Poeta, Poeta...
Que demais! Num tô dizendo? Às sextas tu extrapola: a inspiração vai mais além da de sempre!
Beijo.