Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




sábado, 15 de agosto de 2009

Ponto de Vista a Dois - por Gio

(Paródia de “Pontos de Vista / 2”, de Eduardo Galeano)



Do ponto de vista do Duelista do Sul, o destino da Duelista do Norte é o inferno.

Do ponto de vista de uma minhoca, uma luta com a Duelista do Norte é vitória certa.

Onde os Samurais veem um plágio, os Monges não entenderam nada (Quem começou com as paródias?).

Do ponto de vista de Hipócrates, Galeno, Maimônides e Paracelso, nome bonito era “Platão” mesmo, o único que (quase) se escapava.

Do ponto de vista de seus vizinhos no Duelos, a Ana, que ostentava o título de “osso duro de roer”, e bradava aos quatro ventos que nunca gritou um “ai”, era uma mulher admirável:

- A Ana nunca tem medo - diziam.

Ela não dizia nada. Medo ela tinha, o que não tinha era argumento.
.
.
.
Visitem Gio
.
.

Um comentário:

Ana disse...

Cara, não sei o que você pensa quando fala de mim... Olha só como tu inventa!: se existe uma coisa que eu tenho de SOBRA é argumento! Eu não deixo passar uma! (Às vezes, uma coisinha aqui e outra li, porque fico com pena. E não me venha chamar de galinha de novo!!!)
rsrs
Beijo! :)