Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Relógio - por Leila Dohoczki

São três
Um passa por dois
Que marcam seis
Ou cinco para uma.
Vai marcando ponto a ponto
De ponta a ponta
O traço que marca redondo.

Uma e meia
Um dia inteiro
Todos os dias
A vida inteira.
Em silêncio.

E nós?
Meio moribundos...

Vão os três!
Em segundos
Em horas,
Em minutos
O tempo mudo,
Ninguém o ouve chegar.

E quando se vê
Foi-se o tempo
Foram-se as horas
Foram-se os risos
Foi-se solidão...

Já não há mais tempo
Para perdões, nem lágrimas,
Não há mais farsas, nem mais ilusão.

E os três, no relógio de parede
Olham com certa satisfação,
Eles seguem marcando,
Mas já não tiquetaqueia o coração.
.
.
....................................*****************
.
.
..............Visitem Leila Dohoczki
.

Nenhum comentário: