Bem-vindo ao Duelos!
Valeu a visita!
Deixe seu comentário!
Um grande abraço a todos!
(Aviso: Os textos em amarelo pertencem à categoria
Eróticos.)




domingo, 12 de setembro de 2010

Piano e Piano - por Manassés Diego

.....
..........Tua manhã é o mesmo tecido, franco de morte, beijo montanha, tremer de amor no
....santuário,
.....De nunca em nunca, minguante
.....Deixavas fotografias acorrentadas espalhadas como se fossem fugir pro deserto, pro
....carrossel...
.....Contas que o teu universo abriu, trazem de volta o dinheiro esperado, unido suavemente
....a nós.
.....Prece desaba.
.....Num lugar sem sol e sem estâncias, teu navio e trem (que são um só) esperam por nós abalados pela carga
.....Faltando pílulas ou peles na tua canção.
.....A profundidade sem querer ser profunda, ama
.....Vamos.
.....Giram na tua frente esconderijos, relançam flores. Vida a passar o receptivo.
.....Qualquer coisa pode ser absurda, menos a existência
.....E a distância é
.....Achada
.....Fica com as maçãs do teu rosto, boas fomes pra você, santuário real dos caciques!
.....Pessoa que me encontra! Que me espera!
.
.
.
.

Nenhum comentário: